Arquivo da categoria: crônica

O voo de galinha da Era Lula e a crise das esquerdas

O voo de galinha da Era Lula e a crise das esquerdas Por Franklin Maciel Muita gente está inconformada com a guinada radical que o mundo está dando à direita com seus Trumps e Cia, mas o fato é que, … Continuar lendo

Publicado em aborto, abuso sexual, acidentes de trânsito, aids, alcoolismo, amor, apologia a maconha, apologia as drogas, artigos, assistencialismo, bajuladores, beber e dirigir, bebidas alcoólicas, canção à humanidade, cantores de funk, capitalismo, cartões, cerveja, charge, cidadania, cigarros, codependência, conspiração, conto, corrupção, crítica, crônica, crimes hediondos, criminalidade, crise, Crise econômica, crise política, cultura, cultura do ódio, cultura do estupro, denúncia, dependência química, desemprego, Desmascarando o poder, dificuldades/facilidades | Deixe um comentário

O homem da Av. Paulista

Um morador de rua quase leva embora uma criança em plena Av. Paulista. Um ato de segundos que desmorona toda a nossa ilusória sensação de segurança e escancara nosso descaso com aqueles que não se encaixam num sistema que não … Continuar lendo

Publicado em abuso sexual, aids, alcoolismo, amor, apologia as drogas, artigos, bebidas alcoólicas, cidadania, codependência, crítica, crônica, crimes hediondos, criminalidade, crise, cultura, denúncia, dependência química, desemprego, Desmascarando o poder, poesia, polícia federal, política, política de drogas | Deixe um comentário

Circo sem pão

Circo sem pão O espetáculo diário de reputações lançadas aos leões Não sacia a fome de pão que, grão em grão, some de nossas mesas O dinheiro, tal um rio morto, não circula, Escorre todo para o ralo dos bancos … Continuar lendo

Publicado em assistencialismo, bajuladores, capitalismo, cidadania, conspiração, corrupção, crítica, crônica, crise, Crise econômica, crise política, cultura, cultura do ódio, desemprego, Desmascarando o poder, economia, educação, estelionato eleitoral, fianciamento eleitoral, globalização, habitação, Impeachment, imprensa, juiz moro, Lava Jato, meio ambiente, Nao vai ter golpe, partidos, pensamento do dia, PMDB, poesia, política, politica nacional, PT, sociedade, Tchau Querida, trabalho | Deixe um comentário

Lava-jato ou conta-gotas? Como sua vida é prejudicada pela novela sem fim do combate à corrupção

Lava-jato ou conta-gotas? Como sua vida é prejudicada pela novela sem fim do combate à corrupção * Por Franklin Maciel Já ouviu expressão: “Jogar a criança com a água suja da banheira”? Pois é exatamente isso que está ocorrendo no … Continuar lendo

Publicado em artigos, assistencialismo, bajuladores, capitalismo, charge, cidadania, conspiração, corrupção, crítica, crônica, criminalidade, crise, Crise econômica, crise política, cultura, cultura do ódio, democracia, denúncia, desemprego, Desmascarando o poder, dificuldades/facilidades, economia, Eduardo Cunha, educação, eleição, eleição para vereador, eleições proporcionais, emprego, entrevista, estelionato eleitoral, eventos, exibicionismo, extremismo, fianciamento eleitoral, financiamento de campanha, Fora Dilma, Fora Temer, globalização, hedonismo, Impeachment, impostos, imprensa, Inflação, juiz moro, justiça, Lava Jato, leis mais duras, liberdade de expressão, manifesto, Ministro Cardoso, modelo eleitoral, Nao vai ter golpe, notícias, palestras, polícia federal, política, politica internacional, politica nacional, polticas alternativas, PT, Sérgio Machado, Sérgio Moro, segurança pública, sociedade, Tchau Querida, valores fundamentais, violência, violência contra a mulher, voto distrital, vulgaridade | Deixe um comentário

O crime de ser pobre

O crime de ser pobre *Por Fouad Abbas   Maria, como tantas Marias e Josés, nasceu numa família humilde e trabalhadora da zona rural de São José. Ainda criança trocou as bonecas e brincadeiras da infância pela enxada e pela … Continuar lendo

Publicado em artigos, crônica, são josé | 6 Comentários

>Cobras sempre serão cobras

> Cobras sempre serão cobras Quando estamos vulneráveis, as cobras se aproximam, se insinuam e, sem dar por si, tornam-se nossas confidentes. Carentes, adoecidos, não atentamos para sua natureza letal, parecem coelhinhos inofensivos, mas seu veneno vai matando devagarinho, distorcendo … Continuar lendo

Publicado em crônica | 4 Comentários